HOME   |    HISTÓRIA   |    DIRETORIA   |    ACADÊMICOS   |    FOTOS   |    PALESTRAS   |    AGENDA   |    INFORMATIVO   |    REVISTA   |    CONTATO    

REVISTA

Notícias sobre as publicações da Academia Carioca de Letras


     Ao longo de toda sua existência, a Academia editou várias publicações - cadernos, revista, antologia literária e dezenas de plaquetes com discursos de posse e recepção de Acadêmicos.

     A rigor, as publicações da Academia começaram, concretamente, em 1935, com a edição de alguns volumes contendo os anais das atividades acadêmicas. Até 1946 foram publicados 14 volumes. 

     A primeira fase de edição da Revista - sem esta denominação, porque, então, chamada de “Cadernos” -, inicia-se em 1942 e se estende até 1962, totalizando 25 volumes. Essa fase, como se observa, manteve boa periodicidade anual. Os assuntos predominantes dos sumários desses "Cadernos" são discursos de posse e recepção de Acadêmicos.

     A segunda fase, ou série,  inicia-se em 1958, com a denominação de Revista da Academia Carioca de Letras. A fim de ilustrar o sentido histórico desse acontecimento editorial, escreveu o Acadêmico Othon Costa, um dos fundadores da Academia: "A Revista, que foi uma iniciativa minha, teve o seu primeiro número publicado em 1958, com uma edição de pouco menos de cem páginas, mas excelente na sua apresentação gráfica, e bastante valorizada pelo seu conteúdo literário e pelo documentário histórico acerca da Academia". (Cf. Revista da ACL, nº 2, Junho de 1974, p. 7). 

     O último número dessa fase ou série apareceu em 2007. Vale notar, portanto, que, ao longo de 50 anos, apesar de notáveis esforços dispendidos por abnegados Acadêmmicos, foram publicados apenas 13 números, circunstância que caracteriza clara falta de regularidade, pois dá uma média aproxiomada de quatro anos entre um número e outro.

     Agora, um dos propósitos da nova Diretoria será o de retomar, o mais rápido possível, em sua terceira fase, a publicação física da Revista, bem como em formato digital, incorporado à home page que ora se inaugura, iniciativa que, de fato, leva a Academia ao universo da Internet, criando-se, enfim, a possibilidade de maior divulgação e visibilidade das atividades acadêmicas para um público amplo e diversificado.